segunda-feira, 16 de julho de 2018

O extraordinário Professor Ruy. "Vamos avançar"

https://www.facebook.com/FalaProfessorRuy/videos/225905084706964/

A IVI e Modrick.E os chorões brasileiros

                                             Resultado de imagem para modric melhor

A IVI esteve no palanque dos vencedores da Copa do Mundo.Não existe nenhum gremista que não tenha se lembrado da IVI quando o jogador Croata recebeu o troféu de craque da competição.
Esta vai ser uma corneta eterna do torcedor do Grêmio.
                                               Resultado de imagem para pior real madrid de todos os tempo cornetadorw

O Brasil(segundo Claudio Coutinho) foi "campeão moral" em 1978.
40 anos depois ganhou a "taça dos chorões".
Ninguém chorou mais do que Tite.Até recado mandou para o técnico Capelo.
Ninguém simulou mais do que Neymar.
Ninguém chorou mais do que o Brasil (comissão técnica e aspone do Tite) com as lesões.
Voltamos para casa.E desta Copa vou lembrar (além da eliminação nas quartas)as  entrevista enfadonhas e chorosas de Tite.

domingo, 15 de julho de 2018

A Biblioteca do Grêmio com Daison Sant'Anna - Episódio #4: Grêmio em Cop...

Sobre Copa do Mundo.......

1)Não  acreditava na França no inicio da Copa.Quebrei a cara.
                    ****************
2)Achava que Copa seria de poucos gols.Quebrei a cara.
                     ***************
3)O Texas acredita que um time para ser campeão precisa de um centroavante "fazedor de gols".A França conquistou o bi mundial sem  nenhum gol de centroavante em 2 copas (14 jogos).Isto não é o problema  meu.Os texanos que se acertem com os franceses.
                    *****************
4) O Brasil perdeu para a Bélgica.E ouvi muito : " O futebol é para gigantes.Não tem lugar para jogadores com menos de 1,80 m"
Craque da Copa: Modric 1,72 m
Revelação: Mbappé  1,78 m
O Texas esqueceu de combinar com a FIFA.....
                   *********************
5 Não aguento mais choradeira no Brasil
de técnicos,jogadores,dirigentes e jornalistas sobre cansaço.
Não escutarei mais entrevistas destes chorões.
Em respeito aos croatas.
Eu sei o que vai acontecer no Texas em agosto.O futebol não será pauta.O assunto vai ser o cansaço.Estou fora desta barca.

Figurinhas do Diário Vermelho.E o chocolate nº 153.As postagens mais populares da semana.

                                 


A camiseta mais antiga no Museu do Grêmio (João Severiano)


Foto:Gremio1983 (link no final)

João Severiano é o maior artilheiro de gauchões do Grêmio.
Foi hepta-campeão "na corrida".
7 títulos consecutivos.
Estive no Museu do Grêmio.A TV Cornetadorw esteve lá para fazer um vídeo dos momentos finais da série 12 em 13 que encerrará dia 25 de julho (hepta campeonato).
Também fomos agradecer ao Coordenador do Museu Carlos Eduardo Santos e a museóloga Sibelle Barbosa da Silva por terem prestigiado  o almoço dos atletas no restaurante Copacabana.
A camiseta mais antiga de um jogador do Grêmio exposta no Museu é de João Severiano.É de 1.962. Foi o último ano do escudo com a inscrição Football.
A 2ºmais antiga é de Loivo. 
                                 camiseta do supercampeonato 1962



sábado, 14 de julho de 2018

O deboche da midia texana em cima da geração belga.E o Brasil?

Foi um sufoco a classificação da Argentina nas quartas de finais contra o Bélgica em 2014.Foi um magro 1 X0.
Enquanto o Brasil ultrapassava o Chile nos pênaltis tendo levado uma bola no travessão no último minuto.
Sobre a semi final brasileira prefiro não escrever.
Veio a Copa da Russia.O Brasil foi eliminado pela Bélgica.
E ainda assim as gozações do Texas em cima da "geração belga" ainda persistem.
E o que dizer do Brasil ?
O Brasil jogou 12 partidas em 2014 e 2018.Venceu 6!
Os belgas venceram 10.
A geração debochada pelo texanos em 2018 venceu o mesmo número de partidas que o Brasil venceu nas 2 últimas copas.
Brasil ganhou 6.A Bélgica só nesta Copa empilhou 6.
E dá-lhe deboche.!
Nas última 12 edições da Copa do Mundo o Brasil venceu 2.Perdeu 10.
E nós (brasileiros) gozamos de tudo e de todos.E ainda dizemos que os argentinos são insuportáveis.
44 anos de Copas do Mundo (pós Jules Rimet).E ganhamos o mesmo número de copas que a Argentina e a Itália.E perdemos para a Alemanha (3).
O Brasil foi superior aos seus adversários até a conquista da Jules Rimet.Depois não conseguiu ter supremacia.
Mas o grito é constante na boca da maioria do torcedor brasileiro: "É penta! É penta!"
Um dia nós vamos acordar.Talvez quando as cordas vocais estiverem cansadas  da mesma palavra: " Penta! Penta!"