segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

Manchete em 2.028

O  Grêmio terá em seu currículo 11 Copas do Brasil.
6 Libertadores.
Seu ataque móvel será elogiado no mundo inteiro.
Nenhum grandão será melhor que o falso 9 existente no grupo.
E a manchete em 2.028 será:
"Grêmio procura centroavante de oficio".
Não tenho esperança que isto mude.
Meu tio paulistano  faleceu em 1980 sonhando com a bicicleta do Leônidas da Silva.
Resultado de imagem para bicicleta de leônidas são paulo
Era torcedor fanático do São Paulo.Todo inicio de temporada dizia: " O São Paulo precisa de um centroavante que faça gol de bicicleta".
Neste mês de férias do futebol brasileiro tenho olhado os jogos dos outro paises.Não encontro esta "figura" (centroavante de referência).
A seleção de Tite expurgou esta peça de seu vestiário.Mas ela sempre esta na moda texana.
Ontem encontrei Honório.É um texano que provoca engarrafamento no trânsito na rua José Bonifácio.
Resultado de imagem para diligência do texas
É um gritão do Texas.
Desceu de sua diligência e lascou aos gritos:
"Se o Tite convocar o Fred a Copa do Mundo será uma barbada"
Sai correndo.Ouvi muito esta frase no Texas em 2014: " Com Fred o Felipão vai ser hexa.".
A Alemanha e Holanda fizeram um futebol movediço.E lá estava o Brasil com Fred esperando "o golo de cabeça".
Tenho um amigo que me diz: "Desiste.O Texas não vai mudar".
Parece que o Grêmio não aceita a felicidade.Seus últimos títulos não precisou  "do homem de oficio."
A tarefa de encontrar  um novo Jardel é tão difícil quanto encontrar um centroavante que faça o gol de bicicleta.
E mesmo que encontrasse um novo Jardel a sua vida não seria fácil.O futebol mudou muito no terceiro milênio.Tinha um dirigente vermelho que dizia que o "futebol não mudou".Empilhou volante ruim e colocou um aipinzão na frente para fazer "golo de cabeça".O Inter foi campeão do "chuveirinho" e caiu para a segundona.
Tomara que tenha sorte. Meu tio paulistano sonhou com a bicicleta por 40 anos.Não levou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário